O Método Pilates.

 

Joseph Pilates nasceu em Mönchengladbach, próximo a Düsseldorf, Alemanha. Seu pai tinha o sobrenome de Pilatu, pois era de ascendência grega. E sua mãe, naturopata, de ascendência alemã. 

Joseph Pilates, quando criança, era doente que sofria de raquitismo, asma e febre reumática. E na adolescência prevendo seu futuro numa cadeira de rodas começou a estudar, como autodidata, anatomia e fisiologia humana e fundamentos de medicina oriental. Com isso desenvolveu exercício em aparelhos rústicos inventados por ele. Praticando esses exercícios em aparelhos criou seu próprio método e tornou-se obcecado em superar suas limitações físicas. Com essa prática, ainda jovem tornou-se ginasta e mergulhador. Finalmente desenvolveu cerca de quinhentos exercícios que o ajudaram, bem como seus seguidores, a levar uma vida longa e saudável.

É importante referir que o Método Pilates não se centrava em exercícios padronizados, servidos como uma receita reutilizável de sujeito para sujeito. O método tinha aqui um cunho irrefutável de individualidade. Perante determinado indivíduo, Pilates alterava radicalmente os planos comuns de exercícios. E foram poucos aqueles que puderam assistir a todo este mecanismo de trabalho. Os poucos que tiveram esse privilégio acabaram mais tarde, após a morte de Joseph Pilates, por fundar as suas próprias escolas, chegando alguns a declarar a prática do método original. Mas isto não é verdade, pois não existia um método original específico. Existia sim um método de trabalho próprio, indubitavelmente inimitável, devido Pilates ter sofrido diversificadas influências como o Yoga, as artes marciais e a meditação.

Em 1923, Pilates mudou-se para Nova Iorque e abriu seu primeiro Studio de Pilates. Seu trabalho, porém, só teve repercussão a partir dos anos 40, principalmente entre os dançarinos americanos, Ruth St. Denis, Ted Shawn, Martha Graham, George Balanchine e Jerome Robbins. Joseph Hubertus Pilates  morreu no ano de 1967, aos 87 anos, após inalar muita fumaça ao tentar salvar seu estúdio de um incêndio e não deixou herdeiros. Sua esposa Clara Pilates, assumiu então a direção do estúdio, dando continuidade ao trabalho de seu marido. Em 1970, convidou alguns alunos, passando a direção do Studio a Romana Kryzanowska, uma antiga aluna do estúdio na década de 50.

 

 

OS BENEFÍCIOS DO PILATES

 

 

 - Melhora a capacidade vascular e cardiorrespiratória;

  - Alivio de problemas relacionados ao stress, diminuindo tensão e fadiga;

  - Fortalecimento da musculatura abdominal;

  - Melhora a força, flexibilidade, resistência e controle motor;

  - Propicia leveza e melhora da consciência corporal;

  - Desacelera os processos degenerativos e de envelhecimento;

  - Melhora o desempenho sexual e desportivo;

  - Reeduca a postura, leva ao correto alinhamento e simetria corporal;

  - Mantém a mente alerta e revitaliza o corpo;

  - Trabalha os músculos que sustentam a coluna, eliminando dores crônicas;

  - Ajuda na reabilitação de lesões;

  - Melhora da saúde geral: Física, Mental e Emocional;

  - Contribue para o controle do peso corporal;

  - Promove condição segura para a melhora no estilo de vida e da autoestima;

  - Melhora a qualidade de vida por meio do exercício. 
 

 

 

 

Pilates, Studio de Pilates, Imirim, São Paulo, SP, Estúdio de Pilates, zona norte
Pilates, Studio de Pilates, Imirim, São Paulo, SP, Estúdio de Pilates, zona norte
Pilates, Studio de Pilates, Imirim, São Paulo, SP, Estúdio de Pilates, zona norte
Pilates, Studio de Pilates, Imirim, São Paulo, SP, Estúdio de Pilates, zona norte